Carregando... Aguarde...

LETRAS

Canções do álbum: Sistema de Soma - A quebrada constrói

Single 01 - Sistema de Som(a) 

Agora vou te dizer que,
julgo necessário dizer, então bóra fazer.
Passar a mensagem, não é viagem,
é apenas a imagem da vida constante.
Pois “o começo” diz que está (no ska no ska no ska)
no sentimento a razão.

Música que preenche a alma.
Desperta como um tiro, pra vida.
Procurar entender, enquanto procurar viver.
Buscar o equilíbrio, a harmonia.

Ela desperta, resiste às batidas da mentira.
Sentir, ouvir, ver...
Ela desperta, a verdade na essência.
Sentir, ouvir, a música somada na batida de som!

SISTEMA DE SOM!
A nossa soma propagando o calor, nessa equação.
SISTEMA DE SOMA DA RUA !
É o som, que manda! Esse é o som, queimando! Esse é o som!

SISTEMA DE SOM !
A nossa soma propagando o calor, a expressão.
SISTEMA DE SOMA DA RUA !
É o som, que emana! É o som, queimando!

Cola, cola na coletividade,
Sistema aperta, a gente inflama.
Evocando rimas ancestrais, contemporâneas!

"Salve Palmares! Região dos valentes!
Onde ecos estridentes.
Mandam aos plainos trementes.
Os gritos do caçador!

Ao longe os latidos soam...
As trompas de cáça atroam...
Os corvos negros revoam...
Sobre o campo abrasador"...
(Saudação a Palmares – Castro Alves, 1870)

porque... SOMOS como a BRASA que incendeia montanhas.
SOMOS como a LUZ que se espalha sobre as sombras.
Onde o som chegar,
Onde a rima ecoar, certeira, queimar!

Tipo um isqueiro...
isqueiro... isqueiro...
Isqueiro coletivo...

Tipo uma chama... então chama...
Inflama a chama... chama... chama... chama...

SISTEMA DE SOM !
A nossa soma propagando o calor, nessa equação!
SISTEMA DE SOMA DA RUA !
É o som, que manda! É o som, queimando! Esse é o som, então!

SISTEMA DE SOM !
Som em comunidade numa só missão. SOM!
INFLAMA A CHAMA. CHEGA JUNTO !
A GENTE JUNTO, NÃO CAI.

sistema-de-som-a-asfixia-social.png

Single 02 - Quem Sobra

Senhoras e senhores, apresento-lhes um mundo inovador.
São Bernardo, Diadema, Grajaú, interior.
De todos os cantos. Com todo respeito, a todos os ritmos.

7 BILHÕES DE PESSOAS NA LISTA.
PODE PENEIRAR, VAMO VER QUEM VAI SOBRAR.
DÓLARES, TRILHÕES, A PERDER DE VISTA.
PODE JOGAR, QUE OS MANOS VÃO SE MATAR!

Pode pegar uma jaula, e trancar.
7 bilhões de pessoas vão se matar.
E quando tiver lá, pode apelar até pro espírito salvar.
Que o plano físico, já era. Está no domínio.

São os juízes mais bem pagos pela corte.
Pra fazer parecer que existe luz, na escuridão.
Eles não tão de brincadeira.
Sangue bom? É o seu, no ritual. E só vai sobrar os ratos. HA

E a fome nunca acabará, o motivo é claro:
É pra servir tipo ameaça pra quem já teve a cabeça sequestrada, lobotomizada, extração cerebral, do tipo energia negativa pro indivíduo ter medo e não se coletivizar,
Impregnada na cadeia alimentar.
De 7 bilhões, agora sobram 1, 2.

3 BILHÕES DE PESSOAS NA LISTA.
PODE PENEIRAR, VAMO VER QUEM VAI SOBRAR.
DÓLARES, TRILHÕES, A PERDER DE VISTA.
PODE JOGAR, QUE OS MANOS VÃO SE MATAR!

E se o jogo é vencer na vida, sem ver a vida passar...
3 bilhões tão correndo pra jogar.
Correndo atrás da idéia se acostuma a correr.
O sonho vira ratoeira e a regra é se matar.

No mundo todo se vê. A mesma fita, o tabuleiro.
Tempo e dinheiro, e os vencedores frustrados...
Fácil começa a se iludir, vai ser refém, até temer.
Tremer na base, na insegurança do seu ouro corroer.

Declaramos então não fazer parte do teu preço que te assombra,
então se arromba pelo topo que teu tombo é logo mais, tarde.
Mas não falha, Mas não falha. Descartamos 2 bilhões até de falsos Mcs...
Em entrelinhas cheias. Eu faço a convocação! Pra pensar... a mensagem é o alicerce pode peneirar...

1 BILHÃO DE PESSOAS NA LISTA.
PODE PENEIRAR, VAMO VER QUEM VAI SOBRAR.
DÓLARES, TRILHÕES, A PERDER DE VISTA.
PODE JOGAR, QUE OS MANOS VÃO SE MATAR!

1 bilhão, como no século XVII.
Então volte mais a fita e verá: eles vem da antiguidade.
Illuminati: Colonização dos nossos povos por grupos organizados.

Verá. Maçonaria, fez a lei. Tá na tua cidade,
o esquadro, o compasso, o monumento, o Rotary.
Rodou, otário. Cê tá na mão de quem, está vendo, analisando,
e tem uma lista pra dificultar e destruir.

O sonho de um bilhão, ao explorar a classe E-squecida,
Correr pelo mérito sem condições iguais.
Disputa injusta pelo privilégio.
Morra lutando, ou descanse em paz.
Pois alimento vai além do pão. Ative a visão como a peneira pra reconstrução.
Eu tenho um bilhão na mão, e quem é o próximo da lista¿

DJ 

Pode peneirar. Vamo ver quem vai sobrar.
Dinheiro. A perder de vista.
Jogar no tabuleiro. Os “verme” vão se matar.
Se Jogar no tabuleiro. Os “verme” vão se matar. 

quem-sobra-asfixia-social.png

 

Demais letras do Asfixia Social, incluindo o álbum Da Rua Pra Rua, estão disponíveis no link